Caótica
20 outubro 2006
  Petista confirma: Freud, o “faz-tudo” de Lula, ordenou compra de dossiê fajuto

Gedimar Passos, o petista que foi encontrado com R$ 1,75 milhão para compra de dossiê fajuto contra Geraldo Alckmin, confirmou que o amigo, "faz-tudo" e assessor de Lula mandou ordenou a concretização da sujeira. É o que aponta reportagem do jornal "O Globo" desta sexta-feira (20/10).

Diferentemente do que havia sido dito até agora, em acareação com Freud Godoy, três dias depois de ser preso, Gedimar afirmou que foi a mando de uma pessoa chamada Freud ou Froude. No auto de acareação, conduzida pela delegada Márcia Jorgete Di Lorenzo, está escrito: "indagado sobre quem do PT deu ao declarante (Gedimar) a missão de realizar o pagamento do dinheiro aos emissários dos Vedoin em troca das informações pactuadas, disse que foi a mando de uma pessoa de nome Froude ou Freud, que segundo consta tem uma empresa de segurança no Rio de Janeiro/SP, que não sabe se o dito cujo é pessoa influente ou não dentro do PT".

Somente depois de Freud falar durante a acareação, negando a acusação, é que Gedimar ficou calado, não antes, como o advogado Augusto Arruda Botelho, do "faz-tudo" de Lula, havia dito. Ou seja, mais uma mentira.

Já são 35 dias que o governo Lula não fornece informações consistentes sobre a compra do dossiê fajuto. Tudo vem sendo descoberto e divulgado pela imprensa brasileira. Ainda há muito a explicar:

- De onde veio todo o dinheiro?

- Como o PT conseguiu o dinheiro?

- Porque parte do dinheiro é oriunda do Jogo do Bicho?

- Porque a investigação caminha a passos de tartaruga?

- O presidente Lula sabia?

- A quem interessava prejudicar a candidatura de Geraldo Alckmin?

- Porque elementos que faziam parte do círculo íntimo do presidente se envolveram na trama suja?

Mas parece que Lula e seus amigos do PT, claro, não têm interesse no caso.

 
17 outubro 2006
  O servidor público federal deve ser respeitado

Lula desprezou os funcionários com nomeações de amigos e agora os usa eleitoralmente

Em quatro anos de Governo Lula, porém, os servidores foram humilhados pelo aparelhamento feito pelo PT na máquina administrativa. Funcionários de carreira, competentes e experientes, foram preteridos para que a companheirada do PT tomasse posições estratégicas na hierarquia. Não para melhorar a qualidade de serviço. Mas sim para colocarem em prática um dos maiores exemplos de empreguismo que este país já viu.

De olho nas eleições, Lula decidiu dar em cima da hora um reajuste de salários ao funcionalismo. Agora, sua central de boatos mente ao espalhar que nós vamos congelar os salários quando assumirmos à Presidência. Mas mentiras têm pernas curtas. E o próprio coordenador de campanha de Lula afirmou que o plano do PT é reduzir os reajustes dos servidores. Querem cortar gastos em cima do salário do trabalhador e não nas mordomias dos petistas alojados na máquina pública.

Lula e seus companheiros deveriam deixar de tentar usar os servidores como objetos de campanhas demagógicas e dar a eles o respeito que tanto merecem. Fonte.

 

A minha fotografia
Nome:
Localização: Brazil
Free Web Counter
  • A Marvada Pinga
  • Beck em Palavras
  • Blog da Santa
  • Bloody Mary
  • Blog do Ozeas
  • Blog do Joca
  • Claudio Tellez
  • Falares
  • Gotas de Fel
  • Miolo de Pote
  • Resistência Nemerson Lavoura
  • Refletir e Participar
  • Star Sasa
  • Serjão Comenta do Céu
  • Tenho Direito a dar Minha Opinião
  • Uni-Verso In-Verso
  • Verbi Gratia